Se não puder amar pelo menos respeite

Algumas pessoas sabem e as que não sabem vão saber agora, eu frequento lar espirita desde os 16 anos, não frequento arduamente afinal tem dias que são complicados mas na medida do possível tento sempre ir ( e sim as vezes fico mais de 6 meses sem ir). 
Eu ia fazer outra postagem hoje, que por sinal deixei já salva no rascunho mas algo me chamou a atenção e eu decidi compartilhar com vocês. 
Ontem dia 29-02-2016 iniciei um novo tratamento no lar e lá as segundas tem o que se chama de apometria apo vem de além de e metria de medida, não é algo mediúnico apesar da minha religião considerar todos nós médiuns , apometria é a separação entre o corpo físico e o corpo espiritual,tratando desde outras vidas, enfim mas esse não é o ponto x da minha postagem hoje. 
Sempre antes de entrarmos para o tratamento temos uma pequena palestra ou melhor algumas sábias palavras do evangelho ditas pela boca de uma irmã e ontem me chamou bastante atenção. 
O tema era perdão, a capacidade de nos livrarmos do peso da magoa mesmo que tenha sido uma coisa terrível que aconteceu, é algo glorioso perdoar, guardar magoas só nos causa tristeza,pensamentos de energia baixa além de vivermos nos lamentando pelo que nos aconteceu.
Eu passei algo bem chato nos últimos meses, depois de algumas “desilusões” eu levantei a cabeça e achei que não ia mais me iludir com nada mas não temos controle sobre o que vai nos iludir e aconteceu mais uma vez comigo, não numa proporção tão grande igual a última vez talvez até porque já tinha vivido algo e você aprende com os tombos mas que foi bem chato… E ontem aquelas palavras ditas pela irmã foram indiretamente para mim.  
Um dos trechos que mais me chamou a atenção foi : ” Jesus após se encontrar com Deus disse: perdoe-os Senhor, ele não sabem o que fazem.” E realmente não sabem Jesus em momento nenhum quis se engrandecer mas ele sabia que o que fizeram com ele era digno de perdão pois não sabiam o que estavam fazendo, assim com nós as vezes magoamos alguém que nos ama por não sabermos o que estamos fazendo, além de que nós temos uma parcela nessa mágoa que “guardamos”, geralmente só vemos as virtudes das pessoas e esquecemos que o outro é ser humano também, e também erra assim como nós. 
Outro trecho que me chamou atenção foi ” o primeiro grau de evolução que podemos adquirir é respeitar o outro, o ideal seria que amassemos uns aos outros mas como isso não é possível, antes de praticar o perdão respeite seu semelhante, respeite as escolhas que ele fez, isso é muito importante”
Em um mundo de tanta diversidade vemos tanto preconceito, tanto desrespeito com o próximo. 
Aderi a campanha” Se não puder amar pelo menos respeite” para a vida toda.
E vocês o que pensam ?