A hora do parto

Bom, eu me lembro muito bem… bem até demais.
Eu comecei a ter contrações dia 03-11-2012 era mais ou menos umas 23h, fui tomar banho e minha barriga saltava , de uma certa forma foi “engraçado” pois nunca tinha visto ela se mexer tanto mas a dor era inevitável, eu senti mas nada insuportável e como meu médico era em São Paulo e o hospital que eu escolhi ter a Alice também nos arrumamos rápido e fomos correndo para o hospital (é demorou um pouco), lembro que no dia minha mãe ficou em casa para poder arrumar a bolsa afinal por mais que eu já estivesse de 41 semanas de gestação eu deixei para a última hora, mandei mensagem para o pai da minha filha avisando que talvez ela pudesse nascer e se fosse eu avisava para subir.. e bom lá fomos nós.
Tenho que agradecer aqui também ao meu médico que saiu do seu feriado prolongado para me atender e toda a atenção médica que o hospital me ofereceu naquela noite.
Fizemos inúmeros exames, meu parto podia ser realizado naquela hora mas minhas contrações pararam e minha filha não tinha encaixado, meu médico pediu para que eu esperasse aquela semana e continuasse tomando o Dactil Ob até segunda ordem, então fomos para casa com o”alarme falso” no domingo dia 04-11-2012, e voltamos para São Paulo numa consulta no dia 05.
Eu ainda sentia um pouco de dor, mas ela não tinha virado e não teve jeito se ela não nascesse em 2 dias teríamos que optar pela cesária eu já estava no limite máximo da gravidez e bom eu como mãe fiquei preocupada.
A cesária estava pré marcada já pro dia 07-11-2012 as 22h:30m e bom os dois dias que se passaram foram terríveis, era um misto de ansiedade,curiosidade,medo,felicidade e foi assim.
Eu não consegui ter um parto normal (depois de tantas tentativas de aborto devido a minha placenta prévia) eu não consegui ter, minha filha ficou sentada e por mais que eu fizesse algo para ela girar e continuou sentada.
Cheguei no hospital por volta das 17 horas, fui extremamente bem atendida e encaminhada para o quarto e começou a sessão fotos… como to mostrando abaixo ( não reparem a cara de medo eu estava prestes a ter um bebê rs )

Nas fotos são a Vânia (muito querida que filmou e tirou fotos do meu parto), meu pai que me acompanhou em todos os ultrassons e consultas médicas, e minha mãe que estava super nervosa em todos os sentidos.
E lá veio as 19 horas, me pediram para colocar a roupa da cirurgia mas como perceberam meu nervoso dizeram que era só para estar pronta… até que um enfermeiro entrou com a cadeira de rodas e falou vamos? eu fiquei branca,pálida, não sabia se ria chorava, simplesmente vi eu indo ali sozinha com aquele enfermeiro dizendo que eu só ia assinar os papéis rs 
De fato eu fui assinar os papeis  mas meu médico já estava lá .. prontinho, e fora da hora que eu tinha me preparado psicologicamente…
O anestesista teve que vir me buscar e de uma certa forma me acalmar: ” Não vai doer nada, só vai doer mais o tubo que colocaremos no seu punho ” realmente foi o que mais doeu mas eu estava muito estressada
Eis que exatamente as 21:01 eu escutei um nasceu mas tava tão nervosa que ela não tinha chorado que foi a primeira pergunta ” e por que ela não chorou?” … até que  choro veio e eu pude pegar ela nos meus braços, aqueles olhinhos pequenos desconfiados do mundo, linda desde a barriga ganharam meu coração simplesmente pelo cheiro, pelo silêncio.. foi um momento único que ficará guardado na minha mente até o meu último dia de vida.
Eu, que não sou uma pessoa muito sentimental, vi as lágrimas correrem pelo meu rosto em uma emoção que eu jamais sentirei igual.